quinta-feira, 23 de abril de 2015

A AUTO ESTIMA INCONDICIONAL E A CRIANÇA INTERIOR



Desenvolver a Auto-Estima Incondicional é sem dúvida uma das principais chaves de ouro no caminho de uma pessoa.


Poder pessoal e Auto-Estima são os blocos construtivos de uma imagem saudável de si mesmo. A relação mais importante em sua vida é aquela que você tem consigo mesmo. Se você está desequilibrado dentro de si mesmo, como pode ter relacionamentos equilibrados com os outros?


Na compreensão da auto-estima devemos saber que existem dois tipos de amor no mundo: o amor condicional e o incondicional. O amor condicional é egoísta. O incondicional é espiritual.


A primeira pergunta a fazer a si mesmo é se você se ama condicional ou incondicionalmente. A auto-estima incondicional baseia-se na compreensão de que Deus o criou. Todos são filhos e filhas de Deus e Deus não cria refugos. É claro que você tem valor! Se você não tem valor, então Deus não tem valor. Em outras palavras, seu valor e direito de ser amado são uma herança espiritual.


Mas o ego diz que esse valor e direito de ser amado baseiam-se na satisfação de determinadas condições. Você deve ter obrigatoriamente um determinado tipo de corpo físico. Precisa freqüentar a universidade, ter dinheiro, ter um emprego bem pago, um certo status social, ser espiritualizado, exercitar-se fisicamente, ter um relacionamento, tirar boas notas, ser bem sucedido, ser perfeito e assim por diante.


Ora muitas dessas coisas são alvos bastante nobres a perseguir. Porém elas nada têm a ver com sua auto-estima e amor próprio!Sua auto-estima e amor próprio vem daquilo que você é, e não daquilo que você faz. Então não há necessidade de satisfazer condição nenhuma . Na sua vida você pode fazer tudo bem feito, ou mesmo mal feito, mas seja como for seu valor e direito de ser amado serão os mesmos.


Uma boa metáfora para compreender esse ponto importante é imaginar que o seu filho acabou de nascer. Será que essa criança tem de fazer algo para ter valor? Será que precisa ter uma aparência especifica? Não existe por acaso um valor inerente na centelha da vida? É claro que um bebê tem valor e merece ser amado. E acaso os pais não continuam a amar essa criança à medida que ela cresce, ainda que entre em apuros ou fracasse no teste de ortografia da alfabetização?


O fundamental é que existe uma diferença entre a alma que constitui aquela criança e o comportamento que ela apresenta. A alma é sempre cativante e digna de estima. O comportamento pode nem sempre ser assim. Trata-se de uma discriminação importante a fazer nos outros e em si mesmo.


Você também precisa aprender a sentir o amor de Deus. O amor de Deus é como o sol: está sempre brilhando. É só uma questão de recebê-lo.


Uma metáfora legal é a idéia de que você é um diamante salpicado de lama. Deus o criou, portanto você é um diamante. Mas o seu pensamento equivocado, egoístico, e negativo o sujou de lama. Vamos ligar a mangueira e lavar a lama do pensamento errôneo, para que você possa ver o seu verdadeiro eu. Só as interpretações falsas, negativas, pessimistas do ego é que fazem você se sentir inútil e indigno de amor.


Os Pensamentos criam a realidade:


Quando você tem um sonho a noite e tem um pesadelo, acorda e diz a si mesmo: Rapaz, que bom que foi só um sonho; parecia tão real enquanto eu estava dormindo!” Bem é isso mesmo que eu estou dizendo aqui: acorde desse sonho ruim, dessa hipnose negativa que você vem vivendo.


É hora de acordar! Que da lama surja o diamante, para que você possa ver quem realmente é. Pois você é a coisa mais preciosa de toda a criação. Por acaso você acha que Deus ama mais uma rocha ou uma árvore do que os Seus próprios filhos, que são feitos à imagem Dele?


Agora vem a chave de todo o processo: seus pensamentos criam a sua realidade. Os pensamentos não criam a verdade. Só criam a realidade das pessoas que os geram. Em outras palavras, se você pensar que é indigno, viverá então o pesadelo e o inferno que são frutos de seus próprios pensamentos.


Você viverá os seus pesadelos, ainda que não sejam verdadeiros. Pois você é aquilo que pensa que é, e portanto precisa afastar da mente as falsas atitudes de indignidade e falta de merecimento de amor, e começar a afirmar a verdade sobre si mesmo. Ao fazer isso você passará a registrar uma nova mensagem no gravador do seu subconsciente.

(continua…)


Este texto é um trecho do Livro Psicologia da Alma do Dr. Joshua David Stone